bancada.pt

“Um bom portista não diz aquilo que ele acabou de dizer”, acusa Jorge Amaral

A declaração de António Oliveira sobre um eventual castigo da UEFA ao FC Porto – o antigo selecionador referiu, na RTP3, que a contratação de Rúben Amorim, por parte do Sporting, poderia ser encarada como uma jogada de antecipação para preparar a Champions, num cenário de possível exclusão dos dragões – continua a gerar ondas de choque.

Depois de uma reação oficial do FC Porto, que lamentou a declarações, apelidando-as de “falsas”, e garantiu que a presença naquela competição estará apenas dependente de resultados desportivos na I Liga, surge Jorge Amaral a apontar o dedo a António Oliveira.

O antigo guarda-redes do FC Porto e comentador televisivo considerou, no programa ‘Liga D’Ouro’, que o antigo selecionador deveria ter contido as palavras, para defender o clube.

“Quero reprovar totalmente as declarações de António Oliveira. Foi meu colega, conheço-o perfeitamente bem. Um bom portista não diz aquilo que ele acabou de dizer. O FC Porto é das equipas que mais vezes vão à Liga dos Campeões. E certamente vai fazer tudo para cumprir o fair-play financeiro, como tem cumprido, apesar de tudo o que se passou”, começou por dizer.

Amaral concorda que os adeptos devem estar apreensivos e preocupados com as contas apresentadas pela SAD, mas acredita que a direção de Pinto da Costa terá formas de evitar um castigo da UEFA.

“Os números são catastróficos? Sim, certamente. Mas, com vendas, ou com o exercício financeiro, o clube vai cumprir o fair-play financeiro, para continuar a ir à Liga dos Campeões”, realçou.

Jorge Amaral critica também o timing da declaração de Oliveira. “Um bom portista” não teceria aquelas declarações, acrescenta, sobretudo “numa altura em que o clube está em primeiro lugar, a ser massacrado por tudo e por todos”.

“Não pode ser gente do próprio FC Porto a tentar machucar e minimizar o clube. Aqueles números já eram previsíveis. O que é que ele vai trazer com estas declarações? Não pode falar… Antes de saírem as contas, já se sabia”, insiste.

António Oliveira, recorde-se, manifestou-se preocupado com a realidade financeira dos azuis e brancos e colocou em causa a participação portista nas provas europeias.

“O FC Porto pode ser vítima do fair-play financeiro como foi o Manchester City. O FC Porto pode não ir às provas europeias. Nem sei se o Amorim não foi contratado já a pensar nisso”, dissera Oliveira, no programa ‘Trio d’Ataque’.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top