Visão de Mercado

UEFA mudou a táctica da equipa do Ano para ‘encaixar’ Ronaldo… N’Golo Kanté e Bernardo pagaram a factura

Mais uma prova da máquina associada ao avançado da Juventus, que goza de uma força ao nível deste jogo/política de interesses e de um marketing como nunca se viu no futebol.

A UEFA revelou a melhor equipa de 2019, de acordo com a votação dos adeptos, e surpreendeu ao indicar num formato 4-2-4, quando adoptou sempre o 4-3-3 ou 4-4-2. Ora, segundo o Daily Mail, com base numa fonte do organismo que tutela o futebol europeu, tudo se deveu a Cristiano Ronaldo. O português foi o quarto avançado mais votado, ficando atrás de Leo Messi, Sadio Mané e Robert Lewandowski, mas a UEFA considerou que devia estar no Dream Team por ter vencido a Liga das Nações. “A formação da equipa do ano foi alterada de forma a refletir os votos dos adeptos em paralelo com os feitos alcançados nas provas da UEFA. Como resultado disso, temos cinco vencedores da Champions e quatro finalistas da Liga das Nações. A formação muda regularmente e este ano não foi exceção”, explicou a referida fonte. Sendo assim quem pagou a factura foi N’Golo Kanté, que estaria no Dream Team se fosse em 4-3-3. Também Bernardo Silva podia ter figurado na Equipa do Ano por ter sido o 12.º jogador mais votado pelos fãs no site oficial da UEFA e campeão da Liga das Nações, mas o organismo entendeu que não seria correto ‘trocar’ N’Golo Kanté por um jogador da mesma posição.

O post UEFA mudou a táctica da equipa do Ano para ‘encaixar’ Ronaldo… N’Golo Kanté e Bernardo pagaram a factura aparece primeiro no Visão de Mercado.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top