bolanarede.pt

Suécia 0-2 Portugal: Ronaldo bisa e faz novamente história em Estocolmo

A CRÓNICA: LONGA VIDA AO REI CRISTIANO RONALDO 

Portugal foi pela primeira vez além-fronteiras defender o título da Liga das Nações. A equipa das Quinas viajou até Estocolmo para defrontar a Suécia que, poucos dias depois de receber a campeã do Mundo, tinha novamente um duro teste pela frente. Desta vez, diante dos campeões da Europa.

Depois duma convincente vitória diante da vice-campeã do Mundo, a Croácia, os portugueses aguardavam ansiosamente o confronto com os suecos para ver regressar o seu capitão, Cristiano Ronaldo. A presença do madeirense é ainda mais digna de destaque porque, caso marcasse um golo, chegava a uma marca inesquecível: 100 golos pelas Quinas.

A seleção portuguesa é surpreendida com a disciplina tática apresentada pelos suecos, que tentaram de tudo para esconder a bola dos portugueses. Não obstante, a primeira ocasião de perigo nasce aos 20 minutos. Pepe fica a parcos centímetros de chegar ao golo após um cruzamento tirado a régua e esquadro por Bernardo Silva, que acaba por se lesionar na sequência deste lance ofensivo.

Nem foram precisos mais cinco minutos para que surgisse uma nova ocasião para a equipa das Quinas. Numa jogada estudada, Bruno Fernandes bate um pontapé de canto e encontra Cristiano Ronaldo que, de primeira, ia inaugurando o marcador, mas acaba negado pelo guarda-redes Robin Olsen. Ao minuto 38, cenário semelhante, mas desta vez com passe um passe de João Cancelo: Cristiano volta a estar na cara de Olsen para fazer o golo, e volta a ser negado pelo pé esquerdo do sueco.

Aos 43 minutos, o árbitro holandês Danny Makkelie mostra o segundo cartão amarelo ao médio sueco, Gustav Svensson, depois duma falta dura sobre João Moutinho. E como um mal nunca vem só, Cristiano Ronaldo preparava um impiedoso golpe sobre os suecos. Pegou na bola para bater o livre direto, que estava à distância perfeita para se fazer história. Na terceira e mais difícil ocasião que teve na 1.ª parte, o astro português não perdoou. Cristiano Ronaldo assinou o golo número 100 de Quinas ao peito com um livre direto executado de forma irrepreensível.

Numa segunda parte mais fria, Portugal fica perto de chegar ao segundo golo depois duma bola à barra de Bruno Fernandes. Golo este que só chega mesmo por intermédio do suspeito do costume: Cristiano Ronaldo. À passagem do minuto 73, o madeirense recebe um passe de João Félix, vira-se para a baliza e dispara de fora de área para as redes suecas, sem deixar qualquer hipótese ao guardião.

No fim do jogo, nenhum dos jogadores se deve sentir injustiçado. Ganhou a melhor equipa, liderada pelo seu melhor jogador. Cristiano Ronaldo volta a fazer história e é absolutamente decisivo num jogo desafiante. A defesa do título continua, agora com duas vitórias em dois jogos. O próximo jogo da seleção nacional para a competição será um dos mais interessantes no mundo futebol: Portugal e França vão lutar pela liderança deste grupo 3 na 1.ª divisão da Liga das Nações.

 

A FIGURA

Fonte: Diogo Cardoso / Bola na Rede

Cristiano Ronaldo – 101 golos em 165 jogos. O capitão ditou o ritmo, a história e o rumo do jogo de hoje diante da Suécia. Marcou os dois golos, bateu recordes e está cada vez mais perto de ser o melhor marcador de sempre no futebol das seleções nacionais. Já não precisa de provar nada a ninguém, mas Cristiano Ronaldo insiste em ser cada vez mais inesquecível.

 

O FORA DE JOGO

Gustav Svensson being Gustav Svensson.

Förevigat av @MarklundJoel pic.twitter.com/CCDV4eXyiH

— Jakob Kakembo Andersson (@Jakob_baba) September 23, 2019

Gustav Svensson – O jogo do médio sueco nem estava a ser mau… até que começou a ser. A expulsão por duplo amarelo ainda na primeira parte revelou alguma inexperiência que, aos 33 anos, não se admite. Agradecidos ficaram os portugueses e, em especial, Cristiano Ronaldo que marcou o seu centésimo golo pelas Quinas na sequência da falta que originou a sua expulsão. Depois do cartão vermelho, a Suécia nunca mais teve argumentos para disputar o jogo com Portugal, e o culpado é só um… Gustav Svensson.

 

ANÁLISE TÁTICA – SUÉCIA

O selecionador sueco Janne Anderson levou ao Estádio da Amizade, em Estocolmo, um 4-4-2 com inspirações na organização defensiva e progressão pachorrenta no momento de construção do ataque. Os suecos, que foram superiores à seleção portuguesa no início da partida, tentaram a todo o custo esconder a bola dos portugueses e dominar a posse de bola, ainda que não estivessem sempre a tentar definir uma jogada ofensiva. A estratégia até funcionou nos primeiros 20 minutos, mas a superioridade portuguesa acabou por se sobressair. O plano do jogo ficou ainda mais difícil para a turma de Janne Anderson depois da expulsão do médio Gustav Svensson, momento a partir do qual a Suécia nunca mais conseguiu estar dentro do jogo.

 

ONZES INICIAIS E PONTUAÇÕES

Robin Olsen (7)

Emil Krafth (5)

Filip Helander (5)

Pontus Jansson (5)

Hans Augustinsson (5)

Dejan Kulusevski (6)

Martin Olsson (5)

Gustav Svensson (2)

Emil Forsberg (6)

Alexander Isak (5)

Marcus Berg (5)

 

SUBS UTILIZADOS

Robin Quaison (5)

Mattias Svanberg (-)

Albin Ekdal (-)

 

ANÁLISE TÁTICA – PORTUGAL

Fernando Santos desenhou um 4-3-3 semelhante ao que apresentou contra a Croácia, com apenas um pivô defensivo e com uma tendência ofensiva e de controlo do jogo. Assumiu o favoritismo e este cenário foi ficando progressivamente mais evidente ao longo de toda a partida. Hoje, Portugal foi uma equipa que jogou em pressão elevada, futebol simples e direto, colocando muitas bolas nas costas da defensiva sueca e incursões ofensivas rápidas e, preferencialmente, pelas alas. O cruzamento foi a estratégia preferida para tentar chegar ao golo e, curiosamente, nenhum deles nasceu desta modalidade. O jogo de Portugal é bom e o suficiente para alcançar a vitória, mas não tão convincente como o jogo de há quatro dias diante da Croácia.

 

ONZES INICIAIS E PONTUAÇÕES

Anthony Lopes (7)

João Cancelo (7)

Rúben Dias (6)

Pepe (6)

Raphael Guerreiro (7)

Danilo Pereira (6)

Bruno Fernandes (6)

João Moutinho (7)

Bernardo Silva (5)

João Félix (7)

Cristiano Ronaldo (8)

 

SUBS UTILIZADOS

Gonçalo Guedes (7)

Rúben Neves (-)

Diogo Jota (-)

O conteúdo Suécia 0-2 Portugal: Ronaldo bisa e faz novamente história em Estocolmo aparece primeiro em Bola na Rede.

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top