bancada.pt

Sporting “já sabia que não ia pagar” Rúben Amorim ao SC Braga, acusa Caneira

Marco Caneira, antigo internacional português que representou (entre outros clubes) o Sporting, acusou o clube de Alvalade que já saber “que não ia pagar” Rúben Amorim quando foi buscar o treinador ao SC Braga.

Ao comentar o diferendo entre os dois clubes, a propósito do prazo (que expirou hoje) dado pelos minhotos aos leões para liquidarem a dívida, o ex-jogador afirmou mesmo que o Sporting é reincidente neste tipo de situação.

O Sporting “já sabia que não ia pagar” quando contratou Rúben Amorim ao SC Braga, acusou Caneira, no ‘Mercado Aberto’, da SIC Notícias.

“O Sporting é um clube com muita capacidade, com muitos adeptos, faz muita falta ao futebol português, mas isto não é a primeira vez, nem é a primeira vez que o SC Braga se vem queixar”, reforçou o antigo defesa.

O caso, para além dos danos que causa à reputação dos leões, é também demonstrativo da falta de “profissionalismo” da estrutura de futebol do Sporting.

“Tem que haver ponderação, saber como se vai pagar o ativo que se quer contratar”, argumentou.

Neste ponto, a responsabilidade recai inteiramente sobre Frederico Varandas.

“Essa ponderação financeira tem que haver a partir da estrutura e a partir da liderança, do presidente do Sporting”, finalizou Marco Caneira.

O SC Braga tinha dado até hoje para o Sporting liquidar a dívida, prometendo exigir exigir mais 1,7 milhões de euros, a título de juros de mora, e não descartando avançar para tribunal.

No acordo realizado entre os clubes em março, o Sporting comprometeu-se a pagar 10 milhões de euros (mais 2,3 milhões de IVA), cinco deles no dia seguinte à apresentação de Rúben Amorim (05 de março) e mais cinco milhões em 05 de setembro.

Contudo, a SAD sportinguista falhou o primeiro pagamento, o que levou a uma penalização de 10%, ou seja, de 1,230 milhões de euros, acrescidos de IVA (quase 290 mil euros) e, desde então, os bracarenses têm cobrado juros mensais, que, à data da carta, ascendiam a pouco mais de 440 mil euros.

Assim, a dívida total por Rúben Amorim chegou aos cerca de 14,2 milhões de euros, dos quais o Sporting liquidou 2,5 milhões, referentes ao IVA do negócio, que coloca a dívida a rondar os 11,7 milhões de euros.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top