bancada.pt

Sérgio Conceição galardoado com Dragão de Ouro para Treinador do Ano

O treinador da equipa principal de futebol do FC Porto, Sérgio Conceição, recebeu hoje o Dragão de Ouro para Treinador do Ano, galardão entregue pelo presidente do clube, Pinto da Costa.

O treinador portista venceu o prémio pela segunda vez na carreira, sendo o primeiro a alcançar esse feito no que diz respeito ao futebol.

Sérgio Conceição agradeceu a Pinto da Costa o prémio e afirmou que o FC Porto tem “a hegemonia do futebol nacional”, frisando que é o “clube em Portugal que leva mais alto a bandeira” nas competições europeias.

“Quando cheguei aqui em 2017, o clube estava num momento difícil, sob alçada do ‘fair-play’ financeiro e com ausência de títulos. Hoje, volvidos três anos, podemo-nos orgulhar de termos a hegemonia do futebol nacional e de sermos o clube em Portugal que leva mais alto a nossa bandeira nas provas da UEFA”, começou por dizer o treinador.

Sérgio Conceição salientou a importância de Pinto da Costa para que fosse treinador dos ‘dragões’.

“O meu primeiro agradecimento vai para o presidente, que para muitos na altura apostou num treinador inexperiente e sem palmarés. Obrigado pela oportunidade, numa casa onde os títulos são obrigatoriedade e não uma oportunidade”, disse ainda.

Por outro lado, Pinto da Costa brincou com o facto de este ser o segundo Dragão de Ouro de Sérgio Conceição na categoria de Melhor Treinador.

“É com imensa satisfação que entrego mais uma vez o Dragão de Ouro a Sérgio Conceição. É o segundo que tem, sei que ele tem o objetivo de ganhar tantos Dragões de Ouro como o número de filhos que tem, que são cinco. Espero que seja o segundo de uma série de cinco”, afirmou o presidente do FC Porto na entrega do prémio.

Um desafio de conquistar mais três prémios a que Sérgio Conceição não virou as costas.

“Sempre que o presidente quiser. A partir do momento que ele quiser e esteja aqui, eu estarei sempre com ele e ao lado dele”, disse.

O treinador falou ainda dos prémios recebidos pelos jogadores da sua equipa, nomeadamente Fábio Vieira, João Mário, Pepe e Corona.

“Sinto-me extremamente feliz, esse é o meu papel, fazer o máximo para os potenciar, melhorar, que possam chegar a um patamar mais elevado. Tem a ver com o sentimento desta casa. Podemos ter um talento grande, mas temos de ter outros atributos associados para termos sucesso. Faço questão de lhes dizer todos os dias. Temos tido esse talento associado a tantas outras coisas que ajudaram a conquistar prémios coletivos, que são os mais importantes”, salientou ainda.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top