bolanarede.pt

Seleção sem Sporting, mas muito Sporting na Seleção (de Sub-21)…

Os jogos internacionais estão de volta e, com isto, podemos voltar a ver a nossa seleção em ação. Confesso que tenho bastante gosto em ver Portugal a jogar e não o digo pelo futebol que jogamos ou por termos o melhor jogador do mundo: digo-o porque a seleção une o país em torno de algo que o representa! Assim sendo, sinto ainda mais orgulho em ver jogadores do Sporting CP a representar o meu país e o meu clube simultaneamente.

Mas, desta vez, aconteceu algo que me deixou um pouco desapontado: o Sporting não conseguiu “fornecer” nenhum jogador à seleção nacional, algo que só aconteceu (em jogos oficiais) duas vezes desde que o século XXI começou. Para piorar, estas duas vezes aconteceram nos últimos dois anos. Ainda me lembro-me do Euro 2016, em que o Sporting CP possuía o meio campo e a baliza da seleção que levantou o primeiro troféu internacional por Portugal.

Como é possível observar, nenhum jogador do Sporting está presente na convocatória de Fernando Santos e, a juntar à desilusão desta notícia, surgem alguns pontos negativos da inexistência de leões na seleção como o facto de se desperdiçar uma montra internacional ou o facto de se perder a oportunidade de dar experiência a muitos jogadores que necessitam da mesma para subir de patamar. Já para não falar na confiança que cresce sempre que o trabalho de um jogador é reconhecido pelo próprio selecionador nacional – e bem sabemos que a confiança é algo que falta nos jogadores do Sporting pelos mais variados motivos.

Fernando Santos, selecionador nacional, não optou por nenhum jogador do Sporting CP
Fonte: Carlos Silva / Bola na Rede

Assim, considero importante que o Sporting CP recomece a colocar jogadores na seleção até porque isso significaria que os jogadores estão a render no clube. No entanto, nem tudo está mal: oito são os jogadores do clube de Alvalade que irão representar a seleção nacional de sub-21. É um dado que me alegra bastante visto que é sinónimo de dizer que o Sporting CP possui jovens com muito potencial e que podem catapultar o clube para uma grandeza que tem faltado no panorama nacional e europeu.

Apesar de todos os problemas que o Sporting possa ter, a verdade é que a aposta na formação está de volta e, nesse aspeto, tenho de elogiar Rubén Amorim. O jovem treinador do Sporting CP tem coragem para lançar jovens e esta aposta está a dar resultados. Na sexta-feira passada, decorreu o Chipre 0-4 Portugal em sub-21 e Nuno Mendes contribuiu com duas assistências, sendo para muitos um dos melhores em campo.

Nuno Mendes tem brilhado pelo Sporting CP e não desapontou na seleção sub-21
Fonte: Carlos Silva/Bola na Rede

Na minha opinião e ignorando as discussões sobre quem é que contribuiu para o aparente sucesso da formação, este é o caminho que o Sporting CP tem de percorrer, ou seja, deve apostar nos jovens até porque numa altura como a atual, todos os clubes devem começar a valorizar os diamantes por lapidar que se encontram nas camadas jovens… no caso do Sporting CP, as motivações são ainda maiores visto que uma parte dos jogadores que compõem o plantel têm menos qualidade do que muitos jogadores da formação.

O futuro financeiro e desportivo do Sporting CP está, em grande parte, na mão destes jovens jogadores que, se forem bem aproveitados, podem dar muitas alegrias aos adeptos do Sporting CP e aos portugueses quando e se forem chamados para a seleção principal. O futuro pode estar mesmo assegurado…

Artigo revisto por Inês Vieira Brandão

O conteúdo Seleção sem Sporting, mas muito Sporting na Seleção (de Sub-21)… aparece primeiro em Bola na Rede.

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top