bolanarede.pt

Rali da Turquia: Evans vence e conquista liderança do Mundial

Elfyn Evans (Toyota Yaris WRC) venceu a 5ª ronda do Mundial de 2020, Rali da Turquia, conquistando a sua segunda vitória do ano. O primeiro triunfo foi em fevereiro, na Suécia, ainda antes da interrupção provocada pela pandemia da Covid-19. Agora, aproveitando a saída do companheiro de equipa Sébastien Ogier, que levava consigo a liderança do campeonato, passou para o comando da classificação de pilotos.

O piloto galês assegurou a vitória logo no 3.º dia do rali, que cumpriu sem peripécias, ao contrário de Ogier. A realidade é que Evans chegou à Turquia com nove pontos atrás de Ogier e saiu com 18 pontos à frente, depois de combinar os 25 pontos da vitória com os dois de bónus pela 4.º melhor tempo na Power Stage.

Desta forma, o galês posiciona-se bastante bem na luta pelo campeonato, sendo que faltam apenas dois ralis para o final do campeonato. Há 60 pontos em jogo, na próxima prova, na Sardenha, Evans vai ter dificuldades devido à ordem de partida.

Thierry Neuville (Hyundai I20 Coupé WRC) fica com o segundo lugar em mãos. O piloto venceu a PowerStage e recuperarou 23 pontos a Ogier. Contudo, os 32 pontos de atraso para Evans são, dificilmente recuperáveis no Mundial.

Depois de um primeiro dia controverso, liderava a prova de forma satisfatória, mas na nona especial um furo estragou-lhe todos os planos de vitória. Não obstante, o belga Neuville foi indiscutivelmente o piloto mais rápido do fim de semana, vencendo sete das 12 especiais e com liderança em duas ocasiões distintas.

Sebastien Loeb/Daniel Elena (Hyundai I20 Coupé WRC) têm o seu lugar no pódio. Estiveram na luta pelo segundo lugar e tiveram uma muito boa prestação.

O quarto classificado Kalle Rovanperä (Toyota Yaris WRC), depois de terem rodado quase toda a prova na quinta posição. Subiram com o abandono de Ogier. Um rali regular, numa prova que como se percebeu, foi de sobrevivência para todos. A subida de posição (após uma prestação que rondou o quinto lugar) foi consequência do abandono de Ogier.

Sebastien Ogier lutava pelo segundo lugar, já que o triunfo estava “em teoria” entregue a Neuville. No entanto, Ogier desistiu, estava ele em terceiro lugr, a duas especiais do fim, com problemas complexos ao nível do motor.

Ott Tänak, em Hyundai i20 Coupé WRC, que não somou mais pontos da etapa turca do Mundial, após ‘saída de cena’ no 2.º dia de ação, devido a falha na direção.

Os pontos conquistados por Evans e pelo jovem finlandês permitiram à Toyota Gazoo Racing o aumento da liderança do campeonato de fabricantes para nove pontos sobre a Hyundai Motorsport.

O campeonato tem seguimento em Sardenha onde Evans não vai ter vida fácil, pois “sai na frente num dos piores ralis do ano para o fazer”. Porém, a vantagem que tem pode beneficiar muito o piloto. Seja como for, ainda nada está cem por cento definido e ainda há muito kilómetro a percorrer. É já no próximo mês a sexta e penúltima rodada. O Rally Italia Sardegna tem lugar de 8 a 11 de outubro.

Foto de capa: WRC

O conteúdo Rali da Turquia: Evans vence e conquista liderança do Mundial aparece primeiro em Bola na Rede.

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top