bancada.pt

“Rafael Leão pode nem ganhar 16 milhões em toda a carreira”, diz advogado

O advogado de Rafael Leão, Fernando Veigas Gomes, reagiu ao acórdão do Tribunal Arbitral do Desporto (TAD), que condenou o jogador a indemnizar o Sporting em 16,5 milhões de euros.

Em declarações ao jornal Record, o advogado não concorda com a sentença preferida e deixa uma preocupação com o valor a pagar, já que o avançado pode não conseguir ganhar esses rendimentos durante o que resta da sua carreira.

“Baixou o valor da cláusula do Rafael, que estava nos 45 milhões de euros, para os 16,5 milhões, mas este valor não se justifica. Ele ganhava cinco mil euros por mês. Normalmente a indemnização é calculada por valores entre os 2% ou 3% da cláusula e, no máximo, poderia chegar aos 3 milhões. Ele pode nem ganhar 16 milhões de euros ao longo de toda a carreira”, argumentou.

O TAD também referiu que o Sporting terá de pagar 40 mil euros ao atleta formado em Alcochete por assédio moral. Para Fernando Veigas Gomes, não foi só isso que foi provado pelo organismo.

“Ficou provado que houve assédio moral e o Sporting até foi condenado a pagar 40 mil euros. E também violação do direito à segurança, mas depois decidiram que o comportamento do jogador fez pensar que seria possível manter uma relação laboral”, comentou.

Rafael Leão foi um dos nove jogadores a rescindir de forma unilateral com o clube leonino, após o ataque a Alcochete, em maio de 2018.

Na temporada 2018/2019, o ponta de lança rumou ao Lille, onde realizou 26 encontros, tendo feito oito golos em França.

No início desta época, Rafael Leão transferiu-se para o AC Milan, por um valor a rondar os 40 milhões de euros.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top