bancada.pt

“Parem com a estupidez, há coisas mais importantes do que o desporto”

O internacional espanhol Thiago Alcântara, futebolista do Bayern Munique, criticou o facto de a ‘Bundesliga’ ainda não ter decidido parar o campeonato, mantendo até ao momento a decisão de jogos à porta fechada, devido ao Covid-19.

“É uma loucura, por favor parem com a estupidez e voltem à realidade. Vamos ser honestos, há coisas muito mais importantes do que o desporto”, disse o jogador, na sua conta na rede social Twitter.

A Liga alemã de futebol anunciou hoje que irá propor na segunda-feira uma interrupção total dos campeonatos da primeira e segundas divisões até 02 de abril, sem que nenhuma medida de suspensão tenha sido tomada.

Apenas o encontro Werder Bremen-Bayer Leverkusen, da 26.ª jornada da Liga alemã de futebol, agendado para a segunda-feira, foi cancelado, tornando-se no primeiro jogo da prova que não se vai realizar como medida de prevenção do Covid-19.

De acordo com um comunicado dos dois clubes, a decisão final partiu do governo local da cidade de Bremen, que optou pelo cancelamento do jogo, depois de saber que existia a possibilidade de cerca de “2.000, 3.000 adeptos se puderem juntar fora do estádio”.

Já hoje, Inglaterra e França juntaram-se a Itália, Portugal e Espanha e comunicaram a suspensão dos respetivos campeonatos de futebol.

Entretanto, igualmente hoje, o presidente do Conselho diretivo do Bayern Munique, Karl-Heinz Rummenigge, apelou à suspensão das jornadas de seleções no final de março, lembrando que é uma data de muitas viagens dos jogadores.

“Caso não suspendam, os nossos jogadores estarão a viajar por todo o mundo. E com isso estou a pensar em todos os clubes europeus”, adiantou o dirigente, que, no entanto, apoia a ‘Bundesliga’ à porta fechada.

O dirigente justificou que se trata de uma questão de finanças e de compromissos televisivos: “caso não paguem, a existência de alguns clubes está em perigo”, disse.

O novo coronavírus responsável pela Covid-19 foi detetado em dezembro, na China, e já provocou mais de 5.100 mortos em todo o mundo, levando a Organização Mundial de Saúde a declarar a doença como pandemia.

O número de infetados ultrapassou as 131 mil pessoas, com casos registados em mais de 120 países e territórios, incluindo Portugal, que tem 112 casos confirmados.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top