bolanarede.pt

Para quando um lateral-direito à imagem dos históricos do FC Porto?

O FC Porto, durante o século XXI, contou sempre com uma série de laterais de alta categoria, seja do lado esquerdo ou direito. A nível de defesas-esquerdos, o clube nunca teve problemas em encontrar substitutos e contou sempre com nomes de requinte, como Nuno Valente, Aly Cissokho, Álvaro Pereira, Alex Sandro, Miguel Layun e até o próprio Marek Cech. Mais recentemente, o titular foi Alex Telles durante as últimas épocas e assumiu-se como um dos melhores jogadores do clube. Na lateral-direita, o clube vê-se numa situação complicada para encontrar um elemento que transmita total segurança e as contratações têm deixado a desejar.

O clube sempre habituou os adeptos a presenciar um fora de série do lado direito e desde a saída de Ricardo Pereira, ainda não houve um jogador que chegasse perto da sua qualidade. Com a saída de Danilo em 2014/2015, o escolhido para o lugar foi Maxi Pereira, uma transferência muito bem vista pelos portistas, por ter sido desviado do rival direto para representar os azuis e brancos. Embora não tivesse sido tão exuberante como os precedentes deste lugar, Maxi tornou-se um símbolo da equipa e dignificou honrosamente a camisola azul e branca.

Em 2017/2018, Sérgio Conceição, acabado de chegar ao comando técnico do FC Porto, fez questão que Ricardo Pereira regressasse ao clube, após um empréstimo ao Nice, e fosse o titularíssimo desta posição. A certeza é que Ricardo foi um incansável durante essa temporada e foi sem sombra de dúvidas um dos melhores jogadores do campeonato, o que lhe valeu uma transferência para a Premier League.

Maxi continuava a ser uma opção viável, ao que tudo indicava, embora a qualidade que podia oferecer àquele corredor fosse incomparável em relação a anteriormente. Mesmo assim, iniciou a época 2018/2019 como o principal candidato a assumir a posição. Graças a problemas de inconsistência e lesões, o técnico portista viu-se obrigado a encontrar outra solução para o decorrer da época e decidiu apostar em Éder Militão para lateral-direito, o que não foi de todo a melhor solução. Em janeiro, contratou Manafá ao Portimonense, o que ao longo do tempo tornou-se dececionante para a nação portista, de um modo geral.

O conteúdo Para quando um lateral-direito à imagem dos históricos do FC Porto? aparece primeiro em Bola na Rede.

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top