bancada.pt

“Não dou mais para este peditório. Era o que me faltava”, diz Rodolfo Reis

Rodolfo Reis recusa-se a alimentar polémicas com Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, depois de ter sido ameaçado com um processo em tribunal.

“Já não dou mais para este peditório. Era o que me faltava. Falei uma vez, falei segunda vez, tentei expressar-me sobre o que aconteceu. E não vou falar absolutamente mais nada sobre esta situação e, se tiver que ir para tribunal, vamos para tribunal. Falaremos o que tivermos que falar”, adiantou.

O diferendo entre Rodolfo e Vieira teve origem num programa de debate televisivo, na CMTV, e nesse mesmo espaço, nesta segunda-feira, o antigo capitão do FC Porto deu o peito às balas.

“Se eu tiver de dizer bem do presidente do Benfica vou dizer bem, porque sou uma pessoa que não guarda rancores a absolutamente ninguém, a absolutamente ninguém. Não tenho coisas do passado [por resolver]. É o presente, falo o que tenho de falar e, se tiver de voltar a dizer que ele não está bem nisto e naquilo volto a dizer, sem problemas nenhuns”, diz Rodolfo Reis

O caso teve origem, recorde-se, no mesmo programa televisivo, em setembro, onde Rodolfo Reis disse que “tudo o que há de pior acontece sempre no Benfica”, dando como exemplo os processos dos voucheurs e o e-Toupeira. “Aparece sempre o presidente do Benfica e os braços direitos dele”, realçou.

A frase que suscitou maior repúdio por parte de Luís Filipe Vieira foi uma comparação com Vale e Azevedo, no sentido de que, segundo sugeriu Rodolfo Reis, o presidente do Benfica estaria em maus lençóis, no dia em que abandonasse o cargo.

“O Luís Filipe Vieira vai preso, mal saia da presidência do Benfica. Vai preso, como foi o Vale e Azevedo. É a realidade. Não tenho dúvidas nenhumas”, afirmou Rodolfo, em setembro.

A reação surgiu e o presidente do Benfica confirmou, há poucos dias, numa ação de campanha no âmbito das eleições no clube da Luz, que o caso estava entregue ao departamento jurídico, não confirmando nem desmentindo qualquer ação.

Logo que soube da ameaça do processo, o antigo capitão do FC Porto pediu desculpa aos adeptos do Benfica e referiu que se expressou mal, considerando que Vieira iria preso apenas ”se for condenado”.

“Luís Filipe Vieira disse que, se fosse condenado, sairia pelo seu pé. E eu tive aqui uma brincadeira com o Calado, a dizer que, se o presidente do Benfica saísse iria preso. Ora, o que eu quero dizer é que se Luís Filipe Vieira for julgado e condenado – e faltou-me dizer isto – não só sai da presidência do Benfica como vai preso. É o que eu acho, é a minha convicção, é o que se fala nos cafés, nos autocarros, nos comboios”, referiu.

Rodolfo Reis citou um artigo assinado por Aníbal Pinto, seu advogado, onde o causídico defende que o Benfica “sai prejudicado, porque jamais sairá dos holofotes mediáticos pelos piores motivos enquanto ele [Luís Filipe Vieira] se mantiver [na presidência do Benfica]”.

O mesmo artigo refere que “Vieira tem direito à presunção de inocência, não tem é o direito de arrastar o nome do Benfica durante anos para batalhas jurídicas, nas quais será escrutinada a sua honorabilidade”. E Rodolfo Reis insiste que “tem o maior respeito pelo Benfica, pelos seus adeptos e pelos seus jogadores”. 

O antigo capitão do FC Porto não tem receio de um processo de Vieira. Pelo contrário. Acredita que em tribunal terá a oportunidade de esclarecer as suas palavras.

“Se ele quiser processar-me, que me processe. Nunca pensei ir a tribunal, nunca fui a tribunal. Não tenho medo absolutamente nenhum. Eu quero que Vieira me processe, que vá em frente. Lá é que eu vou falar. Luís Filipe Vieira já foi condenado. Ele já foi condenado a pena de prisão. Eu nunca andei em tribunais. Exaltei-me um pouco, mas mantenho o que disse. Vamos para tribunal”, afirmara, antes desta reação no último programa em que participou.

Desta vez, repetiu a mesma ideia, acrescentando que não vai alimentar mais polémica e que responderá em tribunal, caso a ameaça de processo se concretize.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top