bolanarede.pt

Liga Europa: Sem portugueses, mas com muita ação

O futebol europeu continua em grande plano e a primeira mão dos oitavos-de-final da Liga Europa decorrerá esta quinta-feira, enquanto ainda se jogam estas eliminatórias na Liga dos Campeões. A competição secundária a nível europeu conta com muita qualidade nesta fase, mesmo que os 16-avos-de-final tenham sido marcados por várias surpresas. Destaque para a eliminação de todas as equipas portuguesas da prova, com o FC Porto a cair contra os alemães do Bayer Leverkusen, o Benfica contra o Shakthar de Luís Castro, o Sporting a perder uma vantagem na Turquia frente o Basaksehir e o Braga apagado na 2ª mão contra os escoceses do Rangers.

SÃO VÁRIOS OS JOGOS DE INTERESSE NA LIGA EUROPA, COM DESTAQUE PARA WOLVES E OLYMPIACOS OU SEVILHA DE LOPETEGUI CONTRA A AS ROMA DE PAULO FONSECA. NÃO FIQUES DE FORA E APOSTA JÁ NA BET.PT!

Além da não continuidade de equipas portuguesas na competição, houve ainda uma ou outra eliminatória que surpreendeu o futebol europeu, tal como a eliminação do Arsenal perante o Olympiacos ou a postura do LASK Linz frente ao geralmente bem-sucedido Ajax.

O sorteio ditou uma série de jogos interessantes, incluindo o confronto entre fortes candidatos a vencer a prova. Há uma série de equipas com portugueses presentes, incluindo quatro treinadores e todos com hipóteses de levantar o troféu europeu.

Por essa razão, o Bola na Rede destacou primeiramente o duelo entre Pedro Martins e Nuno Espírito Santo. O Olympiacos vai defrontar o Wolverhampton e tudo indica que o conjunto grego será um osso duro de roer. Nuno é contra a realização do jogo, devido à contaminação do vírus Covid-19 do presidente do clube grego, no entanto, ao que tudo indica, o jogo decorrerá com normalidade.

Fonte: Wolverhampton Wanderers FC

O Olympiacos sente-se com força para seguir em frente, depois de eliminar o Arsenal, um dos favoritos a vencer a prova, e conta com Rúben Semedo e José Sá no plantel. A equipa inglesa é a mais bem representada com atletas portugueses e está a realizar uma campanha exímia. Nos ’16-avos’, Diogo Jota foi o herói da equipa com um hat-trick na primeira mão.

O Shakthar Donetsk é igualmente treinado por um técnico português – Luís Castro – e eliminou o Benfica na eliminatória anterior. Encara agora os ‘oitavos’ com a mesma determinação para seguir em frente e apesar de o campeonato ucraniano ter estado parado, a equipa não sentiu assim tanta diferença. O Wolfsburgo eliminou o Malmo sem grandes dificuldades num agregado de 5-1.

O grande jogo desta fase será possivelmente o Sevilha contra a Roma. Dois treinadores bem conhecidos aqui em Portugal. Julen Lopetegui e Paulo Fonseca, dois antigos treinadores do FC Porto medem forças por um lugar nos ‘quartos’ da Liga Europa. Ambas fazem campeonatos razoáveis, embora melhores resultados fossem esperados. O Sevilha eliminou o Cluj com duas exibições atípicas e com vantagem de golo fora como fator de passagem. A Roma arrumou os belgas do Gent com um agregado de 2-1 e de forma tremida.

O Rangers e o Leverkusen foram as equipas que eliminaram os nortenhos do Braga e do FC Porto, respetivamente, e defrontam-se nesta fase com a mesma ambição. Ambas têm coletivos fortes e praticam um futebol atrativo. Os escoceses deram conta do recado contra um Braga em grande forma e os alemães nem deram chance aos dragões, num agregado de 5-2.

O Manchester United de Bruno Fernandes tem o LASK Linz como adversário e pode acontecer uma surpresa nesta eliminatória, visto que os austríacos estão a realizar uma época fantástica, estando em primeira no campeonato e perto de destronar o Red Bull Salzburgo. O LASK eliminou o AZ Alkmaar que está simultaneamente a realizar uma grande temporada na Holanda. Os red devils estão numa forma brilhante desde a chegada de Bruno Fernandes, que revolucionou a equipa a nível exibicional e na eliminatória passada arrumaram o Club Brugge por 6-1 no total das duas mãos.

Fonte: Europa League

O Eintracht Frankfurt tem o Basel pela frente e promete ser um embate renhido entre estas duas equipas. O Frankfurt tem estado abaixo do habitual no campeonato alemão, no entanto, eliminou tranquilamente o Salzburgo nos ’16-avos’ e apresenta um conjunto com capacidade para chegar longe nesta competição. Já o Basel, apesar de estar uns furos abaixo esta época, também passou facilmente o Apoel, sem sofrer qualquer golo e ambiciona deixar para trás a equipa de Gonçalo Paciência, Bas Dost e André Silva, que fez dois golos e uma assistência nos dois jogos anteriores.

O Inter de Milão apresenta-se como um sério candidato a vencer a Liga Europa, no entanto, tem como próximo adversário uma das revelações desta temporada desportiva. O Getafe está apenas a um ponto do terceiro lugar na liga espanhola e eliminou o Ajax da Europa com duas exibições sólidas, demonstrando que tem capacidade para defrontar qualquer equipa. Já os italianos estão a realizar uma boa época na liga italiana, embora sejam inconstantes e por isso estejam já praticamente fora da corrida pelo título. Apesar disso, continuam a ser dos principais candidatos e procuram passar mais uma eliminatória, depois dos triunfos contra o Ludogorets.

Por fim, defrontam-se o Basaksehir e o Copenhaga. Os turcos eliminaram com mérito o Sporting, após uma desvantagem de dois golos do primeiro jogo. Venceram 4-1 o segundo e avançaram com distinção à próxima fase. Além disso, estão a realizar um campeonato excecional, mais uma vez. A nível interno o Copenhaga continua o seu domínio e a nível europeu demonstraram qualidade ao eliminar o experiente Celtic Glasgow. Espera-se um jogo equilibrado entre os dois clubes.

O conteúdo Liga Europa: Sem portugueses, mas com muita ação aparece primeiro em Bola na Rede.

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top