bancada.pt

“Lembro com saudade que Jorge Jesus também apoiou o Bruno de Carvalho”

Jorge Jesus esteve presente na primeira fila no dia da apresentação da recandidatura de Luís Filipe Vieira à presidência do Benfica e alguma da oposição do atual presidente benfiquista mostrou-se desagradada com tal situação.

Rui Gomes da Silva, ex-vice do clube da Luz, recorda que o atual técnico da equipa principal, em tempos, apoiou Bruno de Carvalho, no Sporting.

“Lembro com saudade que Jorge Jesus também apoiou o Bruno de Carvalho na sua candidatura no Sporting”, lembrou Rui Gomes da Silva, em declarações na CMTV.

Para o candidato à liderança do Benfica “começa a ser um dado adquirido que Jorge Jesus se intromete nas eleições”.

Rui Gomes da Silva salienta ainda que tal facto “não é verdadeiramente um grande apoio para quem recebe esse mesmo apoio” e justifica a sua posição com o que aconteceu no Sporting com Bruno de Carvalho.

“Aliás, fazia parte da comissão de honra de Bruno de Carvalho no Sporting e aconteceu o que aconteceu. Não diria que espero que aconteça o mesmo a Luís Filipe Vieira. Separo as duas naturezas as duas personalidade, a de Bruno de Carvalho e Vieira”, referiu, ainda assim, Rui Gomes da Silva.

Nestas declarações, o candidato aproveitou ainda para lançar um desafio à estrutura encarnada relativamente ao número de sócio de Jorge Jesus.

Rui Gomes da Silva espera com curiosidade para saber se Jorge Jesus mantém o número de sócio que tinha quando chegou à Luz, em 2009, ou se agora que regressou lhe deram um novo e no tempo em que esteve fora do Benfica deixou de ser associado.

Já Bruno Costa Carvalho, do movimento ‘Todos p’lo Benfica’, também não gostou de ver Jorge Jesus na primeira fila do hotel onde Luís Filipe Vieira apresentou a sua candidatura à presidência do clube benfiquista.

“Para já, que eu saiba, o Jesus nem é benfiquista. Acho que é sportinguista”, referiu Bruno Costa Carvalho, à CMTV, destacando que não gosta de ver funcionários do Benfica envolvidos na luta eleitoral.

No entendimento de Costa Carvalho, que em 2009 concorreu contra Vieira, “os jogadores, treinadores e funcionários têm de ficar à parte”.

Tal como Rui Gomes da Silva, também Bruno Costa Carvalho assegura que se fosse presidente não queria funcionários do Benfica na sua comissão de apoio.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top