bancada.pt

João Pedro Sousa espera um Rio Ave “competente e maduro”

O treinador do Famalicão admitiu hoje estar à espera de um Rio Ave “competente, maduro e que tem dos melhores jogadores do campeonato”, para o encontro relativo à terceira jornada da I Liga portuguesa de futebol.

João Pedro Sousa acredita que a equipa famalicense vai sentir dificuldades e que só estando no melhor nível será possível superar os vila-condenses.

“Esperamos uma equipa competente, uma equipa madura, uma equipa que tem dos melhores jogadores do nosso campeonato. Vamos, seguramente, ter muitas dificuldades e ter que estar ao nosso melhor nível para bater um Rio Ave muito forte”, afirmou o técnico em conferência de imprensa de antevisão da partida.

O treinador garantiu, no entanto, que não vai fazer mudanças na equipa em função do adversário, mas admite mudar a estratégia de jogo.

“Estamos essencialmente preocupados com o nosso treino e muito focados em nós. O que poderá alterar relativamente às semanas anteriores será a estratégia para o jogo. Tudo o resto não. Temos que crescer e vamos fazê-lo a olhar para nós. Temos que melhorar muita coisa e, portanto, não vamos alterar em função do adversário”, afirmou.

João Pedro Sousa revelou que a vitória, na última jornada, frente ao Belenenses, ajudou a dar confiança e garantiu que a equipa tem ainda margem para ficar melhor e mais competitiva.

“Estamos melhores, a crescer. Na primeira jornada, estávamos com algumas limitações. Por exemplo, o Calvin Verdonk chegou, fez cinco sessões de treino e fez metade do primeiro jogo. O último jogo dele havia sido em fevereiro. Só prova a qualidade e o profissionalismo dos atletas que compõem o plantel. Vamos ficar melhores e, seguramente, mais competitivos”, afiançou.

Sobre Toni Martínez, jogador que tem sido apontado como próximo reforço do FC Porto, o técnico famalicense voltou a salientar que continua a contar com o jogador espanhol, apesar de no último jogo já não ter sido opção frente ao Belenenses.

“Mantém-se o mesmo cenário e é jogador do Famalicão. Enquanto assim for, é um jogador que pode ser utilizado”, garantiu.

O treinador do Famalicão abordou, mais uma vez, o facto de os jogos não terem público.

“Primeiro ponto: temos saudades dos nossos adeptos, do público, de ver estádios de futebol cheios. Vê-los sem público é contranatura, não faz sentido. Mas, enquanto morrer gente no nosso país, não vou opinar sobre esse assunto”, salientou ainda.

O Famalicão recebe este domingo, às 18:30, o Rio Ave, numa partida da terceira jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top