Visão de Mercado

Benfica deu festival de futebol ofensivo mas só Rúben Dias e Seferovic conseguiram superar Pasinato

Benfica 2-0 Moreirense (Rúben Dias 20′ e Seferovic 20′)

O Benfica somou a 2.ª vitória, em 2 jogos para a Liga, ao receber e bater o Moreirense. Um resultado que no entanto não corresponde ao que foi a partida, já que o domínio da turma de Jorge Jesus justificava um marcador mais expressivo. As águias, que fizeram 17 remates só no 1.º tempo (foi um vendaval de futebol ofensivo), tiveram praticamente uma dezena de oportunidades de golo, mas pecaram muito na finalização. Rafa e Cebolinha desequilibraram muito, no entanto perdoaram. Tal como Darwin, que, apesar de ter assistido para o 2-0, pecou na definição, num jogo em que o capitão Rúben Dias desbloqueou o marcador, e em que Seferovic confirmou o triunfo. Já os Cónegos tiveram dois lances no 1.º tempo, mas não conseguiram impedir um jogo de sentido único, e agarraram-se ao guarda-redes Pasinato para evitarem uma goleada.

Benfica – Resultado que claramente peca por escasso. As águias dominaram de princípio a fim, com uma excelente dinâmica ofensiva mas muitas ocasiões desperdiçadas (algumas delas escandalosas). No entanto, notou-se uma melhor reação à perda de bola, assim como no aproveitamento das bolas paradas, algo que nos últimos anos não se verificava. Vlachodimos teve um jogo tranquilo, correspondendo bem na única vez que foi chamado a intervir. André Almeida fartou-se de criar perigo pelo seu corredor, já os centrais dominaram e secaram Fábio Abreu, sendo que Rúben Dias marcou naquele que pode ter sido o seu último encontro pelo clube da Luz. Grimaldo, por sua vez, foi o que sentiu mais dificuldades e no ataque não foi tão expansivo como é seu apanágio. Gabriel deu qualidade à circulação de bola (forte no passe curto e longo, arriscando ainda o remate de fora da área), já Pizzi não foi tão preponderante. Rafa (recuperou a melhor versão, usando a sua velocidade e qualidade na condução) e Everton fartaram-se de criar desequilíbrios, mas tal como o resto da equipa pecaram na finalização e definição dos lances (embora tenham demonstrado excelente comportamento defensivo). Waldschmidt teve um jogo algo apagado (também falhou de baliza aberta), Darwin, por seu lado, mostrou muita capacidade física e no ataque aos espaços, mas também não foi feliz na finalização (mesmo assim assistiu para o 2-0). Destaque ainda para as boas entradas de Chiquinho e Seferovic (fez o golo da tranquilidade).

Moreirense – Marcador algo simpático para os cónegos, que podiam ter saído da Luz com uma goleada expressiva. Desde cedo a turma de Ricardo Soares se viu encostada à sua área, não conseguindo contrariar a dinâmica ofensiva encarnada. No ataque, ainda tiveram dois lances perigosos no primeiro tempo, mas poucas foram as vezes em que saíram do seu meio campo. Valeu Pasinato, que somou várias grandes intervenções e evitou o pior. D’Alberto foi o elemento menos mau da defesa, ao contrário de Pedro Amador, que viu o seu corredor ser uma autêntica auto-estrada para as águias atacarem. Os médios Filipe e Alex Soares foram os únicos elementos capazes de ter bola, mas também eles foram cúmplices no domínio das águias na sua zona de ação. Na frente, Pedro Nuno foi o que criou mais, já Fábio Abreu foi completamente engolido pelos centrais da casa.

XI Benfica: Odysseas, André Almeida, Rúben Dias, Vertonghen, Grimaldo, Gabriel, Pizzi, Rafa, Everton, Waldschmidt e Darwin.

XI Moreirense: Mateus Pasinato; D’Alberto, Rosić, Steven Vitória, Pedro Amador; Fábio Pacheco, Alex Soares, Filipe Soares; Lucas Rodrigues, Pedro Nuno, Fábio Abreu.

O post Benfica deu festival de futebol ofensivo mas só Rúben Dias e Seferovic conseguiram superar Pasinato aparece primeiro no Visão de Mercado.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Desporto ao Minuto é um portal de notícias de desporto, que organiza as últimas notícias e posts das redes sociais dos clubes em Portugal e, em breve, de todo o mundo!

Desporto ao Minuto 2019, Notícias de Desporto de Última Hora

To Top